Funil de Vendas

  • Compartilhe:

Saiba definitivamente o que é Funil de Vendas, quais os benefícios e o que esta metodologia pode fazer por suas vendas.

Se você atua com vendas, seja como vendedor ou gestor de uma equipe, provavelmente tem ouvido muito falar em Funil de Vendas. Mas você sabe o que é e como te ajuda na prática?

O que é Funil de Vendas?

O Funil de Vendas é a principal metodologia de vendas existente, pois ela garante de forma simples a padronização do processo comercial. É possível ter clareza do momento em que o vendedor realiza a prospecção até a oportunidade percorrer todas as etapas e chegar ao fechamento da venda. Ou seja, com ele você consegue estruturar o processo de vendas da sua empresa e ter um controle muito maior sobre o departamento comercial, dando direção à toda equipe para cumprir a meta.

Vantagens em usar um Funil de Vendas

Equipe de vendas e gestores têm vantagens diárias com o uso de um Funil de Vendas bem estruturado. Se antes você tomava ações com “achismos”, com o Funil de Vendas você as tomará pautado em informações ricas, que te darão poder de ação sobre os resultados e que certamente irá acelerar suas vendas.

A visualização de todo processo de vendas é muito mais assertiva, as etapas estruturadas são reais e não “tentativas” e se tem um controle muito maior de tudo que está acontecendo na área comercial.

Se estão faltando contatos no topo do funil, é preciso trabalhar mais com ações de atração. Se o problema está no fechamento, é preciso rever como está sendo trabalhado o relacionamento, preço, propostas, etc.

Algumas perguntas que o Funil de Vendas te responderá

  • 1. Quantas oportunidades temos que dar de follow-up para avançar?
  • 2.Quantas oportunidades perdemos no último mês e por que?
  • 3.Como está́ a performance do meu time de vendas?
  • 4.Investimos em marketing e geramos muitos leads, porém qual é o melhor canal e quantos estamos fechando?
  • 5.Quantas oportunidades devemos prospectar para bater a meta?

Oportunidade – Todo possível negócio que esteja minimamente quente para entrar no processo de vendas e ser atendido por um consultor. Após a busca entra em ação o vendedor para realizar a primeira abordagem, podendo ser via telefone, e-mail, etc.

Em Contato – Caso o vendedor consiga estabelecer contato com o decisor, mas ele pede para retornar em uma outra hora, esta é uma etapa para separar as oportunidades que ainda necessitam ser contatadas, das que já estão sendo trabalhadas.

Visita – Momento em que o vendedor levanta as dores, cria o cenário e apresenta o produto ou o serviço ao futuro cliente. Se a oportunidade permitiu que chegasse até aqui, é muito provável que avance para o macroprocesso de fechamento.

Proposta – Após sair da visita de apresentação são comuns as perguntas: Tá, mas quanto custa? Ou, pode me passar uma proposta? Este é o momento de retornar para a base e desenhar uma proposta de acordo com as dores apresentadas e enviar ao possível cliente.

Após o envio é extremamente importante o follow-up para saber se o decisor entendeu os valores apresentados, se tem mais alguma dúvida e o mais importante: Se dará um próximo passo e fechar negócio.

Sobre a Empresa Funil de Vendas - Uma história real que poucos conhecem

Thiago Pirinelli e Percival Oliveira são sócios da Funil de Vendas e contam como fundaram a empresa de CRM em janeiro de 2012.

Após um rápido período de descanso da virada de 2011 para 2012, no dia 6 de janeiro, sexta-feira em um final de tarde no escritório de São Bernardo do Campo, São Paulo, o extraordinário e abençoado insight veio! Decidiram tirar as ideias da cabeça e passar para o papel, entre tantos rabiscos e pesquisas de softwares que seriam algumas de suas referências, chegaram em um primeiro esboço da tela inicial do CRM. Só estava faltando o principal, o nome!

Tinham diversos nomes bacanas, mas Thiago questionou ao Percival qual termo sempre usavam nos workshops para nos referir ao processo de vendas? Rapidamente Percival respondeu: funil de vendas. Apesar de parecer estranho, em um primeiro momento, este nome, e após entrar no Google para uma rápida pesquisa e surpreendentemente não encontrar nenhum resultado. O impressionante foi que o Google não reconheceu o termo e não sugeriu nenhuma outra pesquisa do gênero. Outra grande surpresa foi realizar a pesquisa no site registro.br e também verificar a disponibilidade do www.funildevendas.com.br, sim, também estava livre, ambos decidiram fazer a compra do domínio, nascia ali uma marca que mudaria a história de suas vidas.

“Não somos inventores deste termo, muito menos sabemos quando ou quem citou pela primeira vez, mas somos os grandes responsáveis pela propagação. Fato é que usávamos o termo desde 2010 para representar a metodologia pipeline sales e “abrasileirar” o conceito e entendimento” Thiago Pirinelli

Conheça um pouco mais da empresa Funil de Vendas, acessando www.funildevendas.com.br