Gerenciamento de Projetos para Empreendedores

  • Compartilhe:

Gerenciamento de projetos sempre é um assunto que assusta muitos empreendedores pois leva a pensar que envolverá custos astronômicos, processos complexos e investimento em mão de obra especializada. Mas independente do tamanho ou faturamento da sua empresa, é possível adotar práticas de gestão de projetos que grandes organizações utilizam pois esse é o princípio do gerenciamento de projetos: "aplicação de conhecimentos, habilidades e técnicas para a execução de projetos de forma efetiva e eficaz.”

Mas antes de falar sobre ”como” gerenciar projetos, vamos primeiramente entender ”o que é” um projeto. O guia PMBOK (Project Management Body Of Knowledge), referência mundial em boas práticas de gestão de projetos define um projeto como "um esforço temporário empreendido para criar um produto, serviço ou resultado exclusivo".

Isto é, um projeto é algo que você nunca fez anteriormente, algo exclusivo! Pode ser criar um novo produto, iniciar um novo negócio, transformar uma ideia em realidade, implementar um plano de melhorias em sua empresa, entre tantos outros exemplos. Pensando sob essa ótica, podemos ver que o empreendedor tem uma profunda ligação com seus projetos.

Outra característica é que o projeto deve ser temporário, com início, meio e final. Você já viu algum projeto que parece eterno e nunca terminará? Pense na reforma de uma residência: se não estiver claro e bem definido quando a reforma acabará tenha certeza que você estará gastando recursos com material e mão de obra muito além do que previsto inicialmente.

Agora que já sabemos as definições é só colocarmos o nosso projeto em prática, certo? Não! O fato do projeto ser exclusivo e temporário nos leva a adotar um conjunto de técnicas e boas práticas para que seja possível saber o tempo, custo e resultado envolverá o nosso projeto. Afinal de contas ninguém gosta quando o pedreiro ou mestre de obras vem com a velha frase: acho que vamos precisar comprar um pouco mais de material.

Antes de colocar a "mão na massa" é de extrema importância que o empreendedor se atente para as fases que compõem o ciclo de vida de um projeto, isto é, tudo que acontecerá desde a ideia inicial até o término do projeto.

As 5 fases (também chamadas de grupos de processos) são: iniciação, planejamento, execução, monitoramento e controle e por fim o encerramento.

Mas isso já é assunto para um próximo artigo, espero que tenha despertado em você a curiosidade sobre como é possível aplicar o gerenciamento de projetos em qualquer área de nossas vidas! Até lá!

Marcelo Bolló

www.linkedin.com/in/marcelobollo

Gestor de Projetos de TI

Project Management Professional (PMP)